NOTA DE REPÚDIO
 
AGRESSÃO AO ADOLESCENTE NO SHOPPING SALVADOR 28/12/2020.
O Conselho Municipal dos direitos da Criança e do Adolescente - CMDCA em conjunto com o Conselho Municipal da Juventude de Salvador - COMJUV, por meio de nota, repudia a ação truculenta por parte de seguranças privados do Salvador Shopping nesta última segunda-feira (28), contra crianças e/ou adolescente que frequentavam o Shopping Salvador.
O CMDCA e o COMJUV não aceitarão apenas os tradicionais procedimentos costumeiramente adotados de afastar os agentes envolvidos e notas de pedidos públicos de desculpas, com fito de impedir novas condutas.
Portanto, daremos notícia do fato ao Ministério Público do Estado da Bahia e concomitantemente convocamos reunião em caráter de urgência com Administradores do Shopping Salvador, CMDCA, COMJUV e Conselho Tutelar XVII para orientações imediatas de como esses profissionais devem proceder em consonância com Estatuto da Criança e do Adolescente-ECA e extinguir novas condutas como essas, além de requerer tratamento humanizado com a infância e adolescência que são cliente do estabelecimento.
Ademais, exigir a apresentação dos procedimentos e orientações dadas por parte da empresa junto aos seus colaboradores de Segurança quando identificam "supostos indícios de ameaça a ordem e patrimônio da empresa".
A situação não pode meramente ser encarada como fato isolado, mas apurado e aplicadas às medidas adequadas para sanar essas posturas que refletem em uma política estrutural e discriminatória.
Salvador, 29 de Dezembro de 2020.
Tatiane Paixão Gustavo Mercês
Presidenta do CMDCA Salvador Presidente do COMJUV
As Crianças e Adolescentes de Salvador;
Ao Sistema de Garantia de Direto-SGD;
Ao Conselho Tutelar de Salvador;
Ao Ministério Público da Bahia,
Ao Shopping Salvador.